top of page
130A8327 (002).jpg

A Nossa História

Uma visita à Quinta de D. Carlos significa viajar até ao séc. XVI, data em que Simão da Cunha – neto do célebre navegador e embaixador Tristão da Cunha – instituiu o Morgado dos Cunhas, tendo esta propriedade permanecido na mesma família desde essa altura.

A casa residencial da Quinta, de dimensões invulgares para a região, foi cons­truída na década de 50 do século XVII . A sua traça arquitectónica deve-se a D. Manuel da Cunha- Bispo de Elvas e, após a Restauração de 1640, Bispo de Lisboa e membro do Conselho de Estado de D. João IV- irmão do proprietário, D. Pedro da Cunha.

Em 2003, a casa foi restaurada pelo actual proprietário, D. Frederico da Cunha, Marques de Valada e Conde da Caparica, que manteve o espírito da Quinta e a sua traça arquitectónica única.

A profunda remodelação levada a cabo permitiu modernizar o espaço, adaptando-o para a realização de eventos e tornando-o num agradável refúgio rodeado de vinhas e jardins seculares.

Embora 13 gerações separem D. Federico da Cunha do fundador da Quinta de D. Carlos, mantém-se a tradição do cultivo da vinha e produção de vinho.

IMG_7510 (002)
press to zoom
Sala Interior
press to zoom
salasinteriores-01
press to zoom
1/1

SOLO

Argílio - Calcários

CLIMA

Manhãs frias, dias temperados

Alenquer Centro

VITICULTURA

Pratica uma Viticultura proteção  integrada

CASTAS

UVAS BRANCAS

Arinto, Viognier, Sauvignon Blanc

UVAS TINTAS

Touriga Nacional, Petit VerdotSyrah, e Cabernet Sauvignon

bottom of page